BR-101 em Santa Catarina deve receber quatro novos pedágios em 2020

16/09/19 às 14h14
Atualizado em 16/09/19 às 14h48

 O TCU- Tribunal de Contas da União, aprovou estudos para a concessão do trecho Sul da BR-101 no estado de Santa Catarina. O Ministério da Infraestrutura terá aproximadamente 30 dias para divulgar o edital. Depois disso, serão mais 100 dias para a realização do leilão da rodovia.

Os ministros aprovaram o material com 16 ressalvas, que deve ser ajustadas antes da publicação do edital. Alguns dos pedidos estão relacionados aos levantamentos de tráfego feitos na rodovia.

A concessão envolve o trecho de 220,42 km da rodovia, de Palhoça até a divisa com o estado do Rio Grande do Sul. A estimativa dos estudos é que a vencedora do leilão invista R$ 6,5 bilhões na estrutura. De

ntre as obras estão previstas terceiras faixas, que totalizam 40,58 km na pista sentido sul e 39 km na pista sentido norte, a serem implementadas em prazos entre até o 11º ano e até o 25º ano.

Os estudos preveem quatro pedágios. Eles devem ficar em Laguna, Tubarão, Araranguá e São João do Sul. O preço máximo de cada praça é de R$ 4,42, mas vai depender da oferta em leilão.