Com protocolo sanitário, prática de esporte recreativo é liberada em São João Batista

15/09/20 às 10h10
Atualizado em 15/09/20 às 10h09

Retorno das atividades está condicionado ao cumprimento das restrições sanitárias, especialmente as previstas na Portaria n° 664/2020, da Secretaria Estadual de Saúde

Com publicação na edição desta segunda (14) do Diário Oficial, a Portaria n° 07/2020 da Secretaria Municipal de Saúde de São João Batista libera a prática de atividades esportivas de caráter recreativo na cidade. A retomada, no entanto, está condicionada ao cumprimento das restrições sanitárias, especialmente do protocolo estabelecido por meio da Portaria n° 664/2020, da Secretaria Estadual de Saúde de Santa Catarina.

A autorização vale para os esportes de quadra e campo, jogos de bocha, sinuca e caminhadas ao ar livre. A realização de campeonatos, eventos ou torneios relacionados às modalidades permanece suspensa por tempo indeterminado. A Secretaria Municipal de Saúde destaca, ainda, que a liberação está atrelada ao Risco Potencial da Região da Grande Florianópolis.

Desta forma, com a classificação atual na cor laranja (Risco Potencial Grave), a prática está liberada inicialmente apenas para dias alternados. Caso haja uma alteração para cor amarela (Risco Potencial Alto), os jogos serão liberados em todos os dias da semana. Ou, em um cenário de retorno à cor vermelha (Risco Potencial Gravíssimo), os jogos ficarão automaticamente proibidos.

Confira algumas das regras:

A prática das modalidades está liberada apenas para atletas com idade igual ou superior a 16 anos.
O local das partidas somente pode ser acessado pelas pessoas diretamente envolvidas e em número reduzido ao mínimo necessário para sua execução.
Todos os praticantes e demais presentes no local devem usar máscara, retirando apenas quando estiverem efetivamente jogando.
Ficam proibidas as rodas de aquecimento e confraternizações, antes e após jogo, assim como o cumprimento físico inicial e/ou final entre os praticantes.
Também ficam proibidas a presença de acompanhantes dos jogadores, o uso de churrasqueiras para confraternizações, o uso de coletes de identificação dos times e a utilização de vestiários.
Os responsáveis pela organização deverão atender a uma série de medidas, como controle de fluxo de entrada e saída de pessoas, lista com contato dos participantes das partidas e desinfecção dos espaços. As demais regras podem ser conferidas em https://bit.ly/3huuoyr.

Fonte: Clubei