Desentendimento entre fornecedor e comprador termina em quebra-quebra em Canelinha

26/01/21 às 11h11
Atualizado em 26/01/21 às 11h47

  A guarnição foi acionada via Copom para atendimento de ocorrência de ameaça e dano numa loja de material de construção no Centro de Canelinha.

Chegando no local a guarnição conversou com as vítimas, as quais relataram que estavam na empresa que é de sua família quando chegou no local um prestador de serviços conhecido como J. F. O mesmo já chegou no local alterado, relatando que não quiseram efetuar o pagamento de um serviço realizado pelo mesmo. Assim o comunicante o informou que seria descontado o valor do serviço, em uma conta que J.F. tem na loja, pois o mesmo pegou alguns materiais e não efetuou o pagamento. Assim J.F. ficou mais alterado, derrubou uma tela de computador que estava no balcão de atendimento, vindo a tela a quebrar. Sendo que logo após, saiu da loja ameaçando as vítimas

A guarnição conversou com o autor que nada quis relatar. A guarnição confeccionou o presente boletim, orientou as partes quanto aos procedimentos tomados no local e dispensou os envolvidos.