Idoso de Porto Belo foi a primeira vítima do coronavírus em Santa Catarina

26/03/20 às 14h14
Atualizado em 26/03/20 às 14h23

Homem tinha 86 anos e foi levado para uma casa de repouso há poucos dias

Na madrugada desta quinta-feira (26) foi confirmado a primeira morte pelo novo coronavírus em Santa Catarina. O anúncio foi feito pelo governador Carlos Moisés em seu perfil no Twitter. Inicialmente, foi divulgado que ele era morador de São José, na Grande Florianópolis, mas a vítima era moradora de Porto Belo.

O homem de 86 anos vivia na cidade com a esposa, que faleceu há alguns meses. Desde então, o idoso recebia cuidados dos filhos, mas acabou entrando em depressão e os filhos resolveram colocá-lo em uma casa de repouso. Ele foi transferido da clínica de repouso, em Antônio Carlos, para o Hospital Regional de São José, onde ficou internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), onde acabou morrendo.

A Vigilância Epidemiológica do Estado de Santa Catarina ainda não sabe onde ocorreu a contaminação da vítima. A Prefeitura de Porto Belo informou que houve registro de atendimento da vítima em Porto Belo no dia 6 de março, por conta de fratura nas costelas. Ele retornou no dia 15 com desconforto respiratório devido a fratura.

Histórico: o paciente residiu até o dia 17 de março na cidade de Porto Belo. Ele deu entrada na CAsa de Repouso Francisca Helena no dia 18 de março. No dia 23 de março, apresentou quadro de hiportermia e hipertensão, sendo transferido para o Hospital Regional de São José, onde morreu no dia 26 de março. A amostra coletada no local atestou positovo para Covid-19.