Praia de Bombinhas terá primeira galeria subaquática do Brasil

05/12/17 às 20h20
Atualizado em 05/12/17 às 23h48

Foto: Luiz Caseca/Divulgação

 A praia de Bombinhas, terá uma galeria de arte subaquática. A primeira escultura foi colocada no mar no último domingo (3). Feita em mármore branco, a peça Bio Vida III pesa 500 quilos e foi feita pelo artista Pita Camargo. Outras duas obras do artista já estão no fundo do mar de Bombinhas: uma instalada em 1993 na Ilha das Galés e a outra em 2014 na Ilha do Arvoredo.
O projeto é instalar em Bombinhas uma galeria subaquática, como as existentes no Caribe e na Itália. A intenção é colocar pelo menos 12 obras no fundo do mar.

No trapiche da Prainha, a escultura foi erguida por um guincho de embarcação que levou a obra até a Praia da Sepultura. A operação para instalar a obra de arte no fundo do mar foi precedida pela fixação de uma base, colocada dias antes.
 

A escultura fica a cerca de 4 metros de profundidade e, dependendo da maré, poderá ser vista com equipamentos simples como um snorkel, um tubo usado para respirar embaixo d’água.

Bombinhas é considerada a capital do mergulho ecológico. Por isso, o município e as operadoras de mergulho já fazem planos para, no futuro, oferecer aos visitantes a experiência do mergulho voltada à arte.
Obra ficará coberta de microorganismos no fundo do mar

 

G1 /SC