Tijucas: Morre o Dr. Claudemir Ferdinando

20/05/19 às 13h13
Atualizado em 20/05/19 às 22h32

 Na última semana familiares, amigos, pacientes e pessoas da comunidade foram surpreendidas com a notícia de que o Dr. Claudemir Aparecido Ferdinando teria sofrido um Acidente Vascular Cerebral (AVC) durante uma viagem pela Europa.

Neste domingo (19) foi diagnosticado a morte cerebral do médico, que era uma das referências brasileiras em ortopedia. Segundo as primeiras informações, a família estaria com muita dificuldade para trazer o corpo ao Brasil.
Uma referência da ortopedia

Claudemir Ferdinando, filho de Aparecida e Benedito Ferdinando, nasceu na cidade paranaense de Califórnia, em 25 de outubro de 1952, e teve dois irmãos, Rosemari e Luiz Carlos. Seu pai era lavrador e a mãe, além das atividades domésticas, também trabalhava como professora.

Antes de vir para Tijucas o Dr. Claudemir trabalhou em diversos hospitais do Paraná e São Paulo, onde adquiriu mais conhecimento e habilidade na área ortopédica. Fez medicina no Hospital das Clínicas de Curitiba. Especializou-se em Ortopedia no Hospital das Clínicas de São Paulo e quadril e pelves no Hospital das Clínicas de Ribeirão Preto.

Há cerca de 19 anos o Dr. Claudemir recebeu do Dr. Antônio Olímpio Pacheco um convite para se associar à Clinivati - Clínica do Vale do Rio Tijucas, que há longos anos presta relevantes serviços à comunidade regional.

Dona Dilma e Dr. Claudemir tiveram dois filhos, Marcelo e Márcio. Os dois são médicos.

iferenças, do Jornal Razão.

 

Fonte: Jornal Razão