Três praias de Bombinhas ganham Bandeira Azul para temporada 2020/2021

30/07/20 às 16h16
Atualizado em 30/07/20 às 16h55

Foto: Prefeitura de Bombinhas/Divulgação

 O júri nacional do Programa Bandeira Azul aprovou a certificação das praias de Quatro Ilhas, Mariscal e Conceição para a temporada 2020/2021. Esta será a segunda temporada do programa em Quatro Ilhas e Mariscal, e a primeira na Praia da Conceição. A próxima fase é conquistar a aprovação do júri internacional, em outubro. Com essa aprovação, Bombinhas será a cidade com mais praias certificadas pelo Programa Bandeira Azul no Brasil.


Na etapa nacional, as praias foram avaliadas por representantes do Ministério da Economia – Secretaria do Patrimônio da União, do Ministério do Turismo, da Acatmar – Associação Náutica Brasileira, da Agência Costeira e do Instituto Ambientes em Rede. Este ano, no Brasil, foram pré-aprovadas 6 marinas e 18 praias, sendo 3 em Bombinhas.

O Bandeira Azul tem como objetivo avaliar as condições de balneabilidade das praias em torno do mundo. Para conquistar o selo, é preciso atender a 34 critérios, nas áreas de educação e formação ambiental, gestão ambiental, segurança e serviços e qualidade da água. Com a aprovação do júri internacional, as três praias passam a ser consideradas oficialmente umas das melhores áreas para os banhistas.


Para o presidente da Fundação de Amparo ao Meio Ambiente de Bombinhas – Famab, Flávio Steigleder Martins, a renovação da certificação em Quatro Ilhas e Mariscal e a conquista para a Praia da Conceição revela a força do município frente as questões ambientais e turísticas. "Isso mostra que a cidade vem evoluindo muito bem na manutenção dos ambientes costeiros, pois essa é a certificação de praias mais importante do mundo", diz.


Além disso, Flávio ressalta a importância da Taxa de Preservação Ambiental – TPA, que torna viável a manutenção do Programa. "A gente não conseguiria essa certificação se não fosse a TPA, que nos deu muita força principalmente com relação à limpeza das praias e custeando os recursos necessários para a execução do Bandeira Azul", conclui.


Durante o período que antecede a temporada de verão 2020/2021, o município de Bombinhas vem avançando nos trabalhos relacionados à gestão das praias certificadas, por meio de aplicações de metodologias científicas e acompanhamento técnico semanal. O trabalho é realizado pelo especialista em gestão e certificação de praias Dr. Luidgi Marchese.


De acordo com Ludgi, além do monitoramento técnico-científico, que inclui a melhoria dos procedimentos para a qualificação dos serviços prestados, o município está em contato direto e avaliando as melhores práticas utilizadas na temporada de verão na Europa, frente ao cenário da pandemia. "Dessa forma, será possível adotar os melhores protocolos de atuação diante da Covid-19", afirma.


O Programa Bandeira Azul pode ser determinante na escolha do destino turístico. Segundo Carlos Cândido, secretário de turismo de Bombinhas, as tendências para a retomada do turismo apontam mudanças no perfil e comportamento do turista. "Além do Programa e das diversas obras na cidade, os protocolos adotados pela iniciativa privada serão essenciais para garantir a segurança do turista nesta retomada", conclui.


Bandeira Azul


O Bandeira Azul é um programa internacional de certificação ambiental para praias, marinas e embarcações. O objetivo é elevar o grau de conscientização dos cidadãos e dos tomadores de decisão para a proteção do ambiente marinho e costeiro, além de incentivar a realização de ações que visem à resolução dos conflitos.


O Programa é uma iniciativa da Foundation for Environmental Education – FEE, que conta com apoio de diversas instituições internacionais. No Brasil, é operado pelo Instituto Ambientes em Rede – IAR, com sede em Florianópolis/SC.